Reviews

Todos os artigos desta secção

Aurora, um marco injustiçado na história do Novo Cinema Romeno

Aurora, um marco injustiçado na história do Novo Cinema Romeno

A emergência do Novo Cinema Romeno é talvez o mais importante desenvolvimento no panorama cinematográfico europeu do século XXI. Mesmo quando expandimos o nosso olhar para uma escala internacional, somente o renascimento do cinema sul-coreano parece oferecer competição valorativa. No entanto, este movimento caracterizado por obras de extremo naturalismo, com generoso uso de planos sequência, ações prolongadas e impiedosa crítica social, tende a parecer um pouco obsoleto quando consideramos como o seu início coincidiu com os anos de hegemonia do realismo social nos grandes ecrãs europeus.  Ver o post inteiro

Eros (2004) de Wong Kar-wai, Steven Soderbergh e Michelangelo Antonioni

Eros (2004) de Wong Kar-wai, Steven Soderbergh e Michelangelo Antonioni

É comum nestes projectos que a singularidade de cada autor envolvido prejudique a unidade da empresa, na medida em que os filmes se vêem obrigados a comunicar (de forma por vezes forçada) mesmo quando têm pouco a dizer uns aos outros: como as gentes que quando não têm o que dizer falam da atmosfera e do comer. Não é (totalmente) o caso, em Eros, onde as três curtas-metragens trabalham sobre uma ideia de cinema fundamental: o fora de campo. Ver o post inteiro

Resenha Crítica: "Bakemono no ko" (O Rapaz e o Monstro)

Resenha Crítica: "Bakemono no ko" (O Rapaz e o Monstro)

Estamos diante de mais uma demonstração da capacidade de Mamoru Hosoda para abordar e desenvolver as relações de amizade com enorme precisão, bem como os efeitos que estas provocam nos personagens principais, sempre com algum humor, aventura, romance e situações dramáticas à mistura, enquanto consegue que nos afeiçoemos aos protagonistas deste filme de animação. Ver o post inteiro

Coleção Rural Freaks: As Escolhas do Quinto Canal

Coleção Rural Freaks: As Escolhas do Quinto Canal

Com o objetivo de continuar a trazer as melhores sugestões não só aos leitores do Quinto Canal como também aos utilizadores de Filmin, esta semana destacamos a mais recente coleção do serviço, Rural Freaks, que tem como tema as “estranhezas da ruralidade”, representados em 16 títulos. Se não tiver tempo para ver os dezasseis, não perca pelo menos as nossas três sugestões, todas elas nacionais. Ver o post inteiro

A maturidade no olhar do jovem Xavier Dolan

A maturidade no olhar do jovem Xavier Dolan

Ele é Xavier Dolan, produto dos tempos acelerados de hoje e das solicitações pós-modernas que nos moldam o quotidiano e nos desafiam a identidade, mas alguém que conhece como poucos a importância fundamental de um plano, o significado do tempo, o papel da imagem, a elaboração estética e o diálogo, no construir de personagens, momentos, tensões e emoções. Ver o post inteiro

Resenha Crítica: "John From" (2015)

Resenha Crítica: "John From" (2015)

O cineasta permite que o enredo de "John From" ceda à imaginação da protagonista, enquanto nos compele a desfrutar da explosão de fantasia que permeia este universo narrativo ancorado em sentimentos bem reais, tais como o tédio sentido pelos adolescentes ao longo das férias de Verão, ou as sensações incontroláveis das paixonetas durante esta fase da vida em que tudo é vivido e sentido com um ritmo muito especial. Ver o post inteiro

Coleção Biopics: As Escolhas do Quinto Canal

Coleção Biopics: As Escolhas do Quinto Canal

Com o objetivo de mostrar a vida de algumas das maiores personalidades da história mas com um toque cinematográfico, a sétima arte está recheada de grandes filmes biográficos que merecem a atenção dos espetadores. Filmin não ficou indiferente a esse género e traz até aos seus subscritores uma nova coleção, intitulada de BIOPICS. Tens alguma dúvida sobre o que poderás ver? Então aqui ficam as sugestões do Quinto Canal. Ver o post inteiro

Narrativas Históricas no Cinema de Pablo Larraín

Narrativas Históricas no Cinema de Pablo Larraín

Quase desde os primórdios do cinema enquanto meio de expressão narrativa, que o passado histórico tem constituído um interesse comum a cineastas e audiências. Ora em histórias verídicas de eras ancestrais ou ficções situadas nesses períodos esquecidos, os filmes históricos depressa se vieram a afirmar como um género de considerável importância. Ver o post inteiro

A Criada (2016)

A Criada (2016)

Com filmes como "A Criada", realizado por aquele que é pelo menos o mais conhecido nome da New Wave Sul Coreana, Park Chan-Wook, que dirigiu o enorme "Oldboy" relembrando o mundo Ocidental do cinema produzido nesse país asiático, não há outra saída senão colocar a fasquia elevadíssima.  Ver o post inteiro

Filmin em Palco: As escolhas do Quinto Canal

Filmin em Palco: As escolhas do Quinto Canal

Uma das novas coleções do Filmin mostra a teatralidade no cinema, sendo a prova viva de que o cinema e o teatro se podem complementar um ao outro, ao ponto de poderem também ser um só. Dessa coleção o Quinto Canal sugere três grandes títulos que merecem sem dúvida a sua atenção: Ver o post inteiro

OS MONSTROS, crónica de uma sociedade monstruosa

OS MONSTROS, crónica de uma sociedade monstruosa

O filme, mais do que muitas outras obras do cinema italiano dessa altura, Os Monstros é um documento histórico que nos ilustra o que uma sociedade via em si mesma, que nos mostra no que uma sociedade conseguia achar humor apesar da sua natureza venenosa e o que uma sociedade entendia como sátira relevante. Ver o post inteiro

"Plemya" (2014) de Myroslav Slaboshpytskyi

"Plemya" (2014) de Myroslav Slaboshpytskyi

São personagens aparentemente amorais, marginalizadas pelo jogo social, e que, por isso, criam o seu próprio sistema de regras – a sua única verdade. A existência deste pequeno mundo é uma vitória contra o cinismo civilizacional, sublinhando cada acção violenta como inerente à existência do sistema e como resposta plausível forjada pela impotência individual. Ver o post inteiro

A ULTRAPASSAGEM, uma comédia de movimento e ritmo

A ULTRAPASSAGEM, uma comédia de movimento e ritmo

A Ultrapassagem de Dino Risi é um dos filmes mais emblemáticos da commedia all'italiana. Risi, como o próprio diálogo do filme sublinha num cómico piscar de olho à audiência, não é Antonioni, e o seu interesse não é alienar a sua audiência. Assim, esta mortiça visão romana é um necessário agente de contraste que nos permite apreciar os verdadeiros focos desta sequência e, na verdade, de todo o filme: movimento e ritmo. Ver o post inteiro

Review: Ela

Review: Ela

Após a grande cerimónia dos Óscares fica um certo amargo de boca pela nomeação mas não premiação de Isabelle Huppert. Se se fala tanto de Meryl Streep para o cinema norte-americano, Huppert seria o seu equivalente no cinema francês, com várias interpretações magistrais que se vêm corporizadas num cúmulo que é este Elle, um retrato íntimo tão raramente visto de uma mulher forte e cínica, de classe média alta, num contexto surpresa difícil de aceitar para o espectador e para "Ela". Ver o post inteiro

Review: Eu, Daniel Blake

Review: Eu, Daniel Blake

Ken Loach apresenta-nos um retrato ultra-realista de uma realidade super politizada, que tende a esquecer o lado humano em prol da auto-subsistência inócua do estado, estado esse que aqui aparece completamente desligado dos seus cidadãos. Ver o post inteiro

Review: Bang Gang – Uma História de Amor Moderna

Review: Bang Gang – Uma História de Amor Moderna

A nudez e um pouco de escândalo raramente conseguem salvar um filme que não disponha de muito mais soluções. Podem as duas eventualmente vender bilhetes, provocar excitação ou assegurar os prazeres de um bom exploitation (porque também os há em abundância), mas muitas vezes ver corpos nus em situações titilantes resume-se a isso mesmo. Ver o post inteiro