David Lynch
  1. David Lynch

    Estados Unidos · 1946

    5 títulos :separador disponível 24 prémios
    recebidos
Biografia

De uma família de classe média, David Lynch viveu com os seus pais em vários lugares. Realizou os seus estudos secundários na Virginia, nos EUA. Mais tarde, mudou-se para Washington D.C. para estudar na Corcoran School of Arte. Depois de um ano na School of the Museum of Fine Arts de Boston, em 1966 instalou-se em Filadelfia para frequentar a Pennsylvania Academy of Fine Arts. Foi aí que começou a suas primeiras curtas. Desde os anos 70 que Lynch trabalha exclusivamente em cinema. A sua primeira longa-metragem de 1971, "Eraserhead", é uma película enigmática e sombria. Não pôde terminar o filme até aos finais de 1977 por razões financeiras. "Eraserhead" atraiu a atenção do produtor Mel Brooks, que contratou Lynch para realizar o filme "O Homem Elefante", um biopic sobre Joseph Merrick, um homem de classe baixa com malformações congénitas. Este filme rodado a preto e branco, foi um enorme êxito comercial e obteve oito nomeações para os Óscares, incluindo Melhor Realizador e Melhor Guião adaptado. Em 1984, realiza "Dune", produzido por Dino De Laurentiis. O mesmo produtor financeiro de "Veludo Azul", história de um jovem universitário que investiga a origem de uma orelha cortada que encontrou passeando no campo. O filme mostra interpretações memoráveis de Isabella Rossellini e Dennis Hopper e é considerada como uma das obras primas do cinema contemporâneo. Obteve um enorme êxito da crítica e David Lynch foi nomeado como Melhor Realizador nos Óscares, pela segunda vez. No final dos anos 80, começou a colaborar com o produtor televisivo Marc Frost na série televisiva "Twin Peaks", uma história misteriosa em torno da morte de uma estudante chamada Laura Palmer. A série obteve um êxito incrível, revelando-se um fenómeno cultural no mundo inteiro. A longa-metragem seguinte, consistiu numa adaptação da novela de Barry Gilfford, "Coração Selvagem", um alucinante e sensual road movie protagonizado por Nicolas Cage e Laura Dern. O filme obteve a Palma de Ouro no Festival de Cannes em 1980, contudo não contou com a aprovação nem da crítica nem dos espectadores. A atividade artística de David Lynch estende-se a outros terrenos, como a pintura, música, fotografia ou o design de mobiliário.

Prémios do seus filmes

Os seus títulos online