Fim de Semana
Fim de Semana
Fim de Semana

Fim de Semana

WeekEnd

Áudio e legendas

Versão original com legendas em português

realização

Jean-Luc Godard

Nacionalidade

França

Ano de produção

1967

Género

Drama

Sobre o filme

Uma viagem de fim de semana supostamente idílico ao campo, transforma-se num pesadelo sem fim de engarrafamentos, canibalismo, revolução e assassinato, à medida que a sociedade burguesa francesa começa a entrar em colapso sob o peso das suas próprias preocupações sobre o consumo.

Realização e elenco

Como avalias este filme?

No comments

8.8

"Este é um dos últimos filmes de Godard antes de dedicar-se a um novo formato de criação-colaboração sob o grupo Dziga Vertov, do qual resultaria mais tarde Tout Va Bien (Tudo Vai Bem, 1972). É assim um filme à beira do precipício, um filme onde vale tudo, e um pré-anúncio de tempestade. É mais um “adeus” à linguagem entre vários do realizador francês (o filme acaba mesmo com a frase “Fin de Cinema”), uma espécie de atirar tudo para a fogueira antes de recomeçar a partir do zero, quer seja ao nível do cinema de Godard, quer seja ao nível da sociedade: ao surgir pouco antes do período conturbado de 1968, parece proclamar o abalo que se seguiria. Um comentário sarcástico e sem concessões sobre o consumismo que despontava, é uma derivação de uma comédia negra divertida com a fantasia do colapso. Numa aproximação extemporânea ao cinema de Luis Buñuel, é um filme igualmente pré-apocalíptico e pós-apocalíptico. Entre momentos absurdos e e deambulações surreais, seguimos um casal pouco amoroso à procura de uma herança, num percurso onde destacam-se a aparição de figuras literárias e históricas e uma longa sequência memorável de um encadeamento de acidentes de automóvel nas estradas, que aparecem aqui como um espelho da sociedade fracturada. É uma obra anárquica, que coloca em causa não só o seu meio envolvente, mas também o próprio filme – numa famosa cena, alguém pára um carro para perguntar ao condutor: “estás num filme ou na realidade?”"

João Araújo de À Pala de Walsh