Tributo a Gershwin
Tributo a Gershwin
Tributo a Gershwin

Tributo a Gershwin

Gustavo Dudamel y Herbie Hancock homenajean a Gershwin

Áudio e legendas

Versão Original

realização

Gustavo Dudamel

Nacionalidade

França

Ano de produção

2000

Sobre o filme

Gustavo Dudamel partilha o palco com a estrela do jazz Herbie Hancock num concerto tributo a Gershwin, entre a música clássica e o jazz. Em 2011 a Filarmónica de Los Angeles e o seu diretor Gustavo Dudamel abrem a sua temporada com uma homenagem à música de George Gershwin, que continua a ser relativamente desconhecido para os amantes de música clássica. Apesar de An American in Paris e a Rhapsody in Blue estarem presentes com regularidade nos programas das salas de concertos, o repertório do compositor contem grandes tesouros que é necessário dar a conhecer ao grande público. É o que mostra Gustavo Dudamel ao dirigir esta Apertura, composta a partir de um clássico cubano.
E como poderia George Gershwin de ser homenageado? A Filarmónica de Los Angeles decidiu honrar esta Rhapsody in Blue, verdadeira obra prima do repertório de Gershwin, com um dos mais destacados pianista de jazz da atualidade: Herbie Hancock. Um êxito indiscutível, aclamado pela audiência do Walt Disney Concert Hall, que também pode disfrutar de um solo de piano de Herbie Hancock, interpretando duas raridades de Gershwin: Embraceable You e Someone to Watch Over Me. Durante quinze minutos o tempo parou no Walt Disney Concert Hall. Os músicos da Filarmónica silenciaram e uma luz azulada inundou a sala.

Realização e elenco

Como avalias este filme?

No comments