Shoplifters - Uma Família de Pequenos Ladrões
Shoplifters - Uma Família de Pequenos Ladrões

Shoplifters - Uma Família de Pequenos Ladrões

Shoplifters (Manbiki Kazoku)

Áudio e legendas

Versão original com legendas

  • Áudio Japonês
  • Legendas Português
realização

Hirokazu Kore-eda

Nacionalidade

Japão

Ano de produção

2018

Género

Drama

Estreia no cinema

22-11-2018

Sobre o filme

Vencedor da Palma de Ouro e nomeado ao Oscar de melhor filme estrangeiro. "Shoplifters" baseia-se numa família de pequenos ladrões que, depois de uma das suas sessões de furtos, Osamu e o seu filho encontram uma menina sob um frio gélido. No início, relutante em ajudar a menina, a esposa de Osamu acaba por concordar em abrigá-la depois de saber das dificuldades que enfrenta. Embora a família seja pobre, mal ganhando dinheiro suficiente para sobreviver, através de pequenos crimes, eles parecem viver felizes juntos, até que um acidente imprevisto revela segredos escondidos, testando os laços que os unem.

Realização e elenco

Como avalias este filme?

No comments

10.0

"This Palme d’Or-winning drama about a Japanese family of crooks who lift a lost little girl from the streets is a satisfying and devastating gem. Hirokazu Kore-eda’s Shoplifters is a complex, subtle, mysterious film that builds to the most extraordinary surprise ending, a twist-reveal worthy of psychological suspense noir. Yet the film is nothing like that generically. In fact, it is another of the intricate and nuanced family dramas in the classical Japanese style, of which Kore-eda has made himself a modern master. Its significant plot shifts happen unobtrusively, almost invisibly, except for those big, heart-wrenching revelations in its final section. "

Peter Bradshaw de The Guardian

9.5

"This Palme d’Or-winning tale of a makeshift clan of middle-class thieves struggling to get by is an absolute stunner. (...) In Shoplifters, which has the makings of empathetic, enduring classic, Kore-eda examines the nature of what makes a family and how it stands up to poverty, prosecution and government neglect. It’s impossible to experience the deep-seated compassion of this film and not be moved to tears."

Peter Travers de Rolling Stone