8,8

O Filho de Saúl

· 107min.

Vencedora do Grande Prémio do Júri em Cannes e o Óscar para melhor filme estrangeiro. Uma nova abordagem ao Holocausto.
Indisponível no teu país

Sobre o filme

Uma primeira obra que ganhou o Grande Prémio do Júri em Cannes e o Óscar para melhor filme estrangeiro. Outubro de 1944, Auschwitz-Birkenau.Saul Ausländer é um membro húngaro do Sonderkommando, o grupo de prisioneiros judeus isolados do campo de concentração e forçados a dar apoio aos Nazis no processo de extermínio em larga escala. Durante os trabalhos num dos crematórios, Saul descobre o corpo de um rapaz que ele reconhece como sendo o seu filho.Enquanto os Sonderkommando planeiam uma revolta, Saul fica obcecado com uma missão impossível: salvar o corpo do rapaz de uma autopsia e encontrar  um rabino para lhe recitar as orações Kaddish e realizar o funeral.

Realização e elenco

Realização:
László Nemes

Prémios e nomeações

Áudio e legendas

Versão original com legendas
Áudio Varios • Legendas Português

Mais informação

Título original:
Son of Saul (Saul Fia)
Género:
Drama
Nacionalidade:
Hungria
Estreia no cinema:
25-02-2016

Um filme absolutamente marcante ao filmar a personagem principal quase sempre em primeiro plano e dar-nos um vislumbre do verdadeiro inferno em que se encontra mergulhada. Um contributo para que o tempo não dilua a memória das atrocidades. Uma obra prima difícil de ver.

10

"El Holocausto en el cine parecía un tema agotado. Parecía. Hasta que llegó László Nemes. Extraordinaria (...) lo que te hace sentir más que ver: el martirio físico y mental de habitar el infierno y querer mantenerte en pie."

Javier Ocaña de El País

10

"Obra maestra incuestionable. Es cine enorme construido desde la intimidad. Es cine que duele, arrasa y, definitivamente, abre los ojos."

Luis Martínez de El Mundo

10

"Son of Saul is an immersive experience of the most disturbing kind, an unwavering vision of a particular kind of hell. No matter how many Holocaust films you've seen, you've not seen one like this. "

Kenneth Turan de Los Angeles Times