6,5

Nico, 1988

· 93min.

Os dois últimos anos de vida da cantora e compositora alemã Nico, considerada uma das musas de Andy Warhol e que cantou com o grupo The Velvet Underground.
Indisponível no teu país

Sobre o filme

Vencedor da secção Orizzonti no Festival de Veneza, Nico, 1988 é um biopic musical sobre a última fase da vida de Nico, ícone feminino dos Velvet Underground e musa de Andy Warhol. O filme retrata a vocalista naquela que seria a sua última digressão a solo, enquanto tenta restabelecer a relação com o filho e lidar com a sua toxicodependência e depressão.   Retratar uma figura tão icónica como Nico não se previa tarefa fácil mas Susanna Nicchiarelli conseguiu um excelente resultado através de um filme onde o fragmento é mais importante do que a totalidade, onde o olhar cansado e desiludido de Trine Dyrholm, a maravilhosa atriz dinamarquesa que interpreta Nico, esconde mil histórias que não precisam de ser contadas.

Prémios e nomeações

Áudio e legendas

Versão original com legendas
Áudio Inglês • Legendas Português

Mais informação

Géneros:
Biopic, Drama
Nacionalidades:
Itália, Bélgica
Estreia no cinema:
05-07-2018

Títulos parecidos

Sem avaliações

8

"Um biopic ao contrário O desencanto, o cinismo de Nico é a voz do filme com que Susanna Nicchiarelli faz resistência aos clichés do biopic. Nico, 1988 abriu a secção Horizontes de Veneza, é uma miniatura que fica a crescer."

Vasco Câmara de Ípsilon - Público

8

"Mais do que uma narrativa empolgante, faz-se um retrato psicológico de uma figura negra mas fascinante. Mérito da realizadora italiana Susanna Nicchiarelli e da atriz dinamarquesa Trine Dyrholm. As suas teias internas são expostas de forma veemente, visceral mesmo, num desenho emocional complexo, entre a apatia e o desespero."

Manuel Halpern de Visão

8

"Centrado numa magnífica interpretação da dinamarquesa Trine Dyrholm - a sua Nico combina a máxima energia com a mais comovente vulnerabilidade -, este é um daqueles pequenos grandes filmes que corre o risco de passar despercebido..."

João Lopes de Diário de Notícias