Le Havre
Le Havre
Le Havre

Le Havre

Áudio e legendas

Versão original com legendas

  • Áudio Francês
  • Legendas Português
realização

Aki Kaurismaki

Nacionalidades

Finlândia, França, Alemanha

Ano de produção

2011

Género

Comédia

Estreia no cinema

16-02-2012

Bilheteira

41.759,30 €

Espetadores

9.279

Sobre o filme

Marcel Marx, um antigo escritor e conhecido boémio, retirou-se para um exílio voluntário na cidade portuária de Le Havre, onde se sente mais próximo das pessoas ao servi-las na nobre, mas pouco lucrativa, profissão de engraxador de sapatos. Enterrou os sonhos de um interregno literário e vive feliz no triângulo formado pelo seu bar favorito, o seu trabalho e a sua mulher Arletty, quando o destino subitamente coloca no seu caminho um jovem refugiado africano, menor de idade.
Como Arletty adoece gravemente na mesma altura e fica de cama, Marcel terá mais uma vez de se erguer contra a fria barreira da indiferença humana com a única arma de que dispõe: o seu optimismo inato e a constante solidariedade dos vizinhos, mas contra ele tem a máquina cega do aparelho do estado, aqui representada pelo cerco policial que pouco a pouco se vai fechando em volta do jovem refugiado. É tempo para Marcel polir os sapatos e arreganhar os dentes.

Realização e elenco

Títulos parecidos

Como avalias este filme?

9.5

"Le Havre had all the master's trademarked deadpan dialogue and delicious nuggets of bone-dry humour, and his compassion for the marginalised and dispossessed, but with something richer and sweeter than I remember from his previous pictures. His sensibility is closer to that of Chaplin, in this film, than anyone else."

Peter Bradshaw de The Guardian

9.5

"Le Havre conmueve, eleva la carcajada, fascina y hace amar hasta la entraña lo que se ve en la pantalla. Sin caer en el panfleto, Kaurismäki entrega una crítica certera al estado moral de la sociedad contemporánea y un canto ilusionado favorito desde ya a la Palma de Oro."

Sara Brito de Público

9.0

"A deadpan delight. With its bouncy soundtrack, deadpan humor and good-natured disposition, Finnish director Aki Kaurismaki’s “Le Havre” is an endearing affair. Combining his clownish storytelling with a life-affirming plot, Kaurismaki churns a fundamental scenario through his own unique narrative tendencies, yielding a product both heartwarming and irreverent, two qualities that should come as no surprise to anyone familiar with his distinctive touch. Beyond that, it also introduces an element of political commentary to the director’s work that deepens its impact. "

Eric Kohn de Indiewire

9.0

"Le Havre es una historia elegante, con buen ritmo, en la que el humor estoico y la generosidad priman sobre el discurso político y la gravedad de la situación cotidiana. Una película simple y, a la vez, dificilísima de conseguir. Una pequeña joya."

Domenico La Porta de Cineuropa

9.0

"Le Havre couldn’t have been made by anyone other than Kaurismäki: It manages to be lyrical even though it moves forward in the typical Kaurismäki fits-and-starts. Its jokes are so gentle, and delivered with such deadpan assurance, that it sometimes takes a split second for you to register how absurdly funny they are. It’s also a gently pointed political statement"

Stephanie Zacharek de Movie Line