7,7

J'Accuse - O Oficial e o Espião

· 132min.

No dia 5 de Janeiro de 1895, o Capitão Alfred Dreyfus, um jovem soldado judeu, é acusado de espionagem para a Alemanha e condenado a prisão perpétua na ilha do Diabo.
Indisponível no teu país

Sobre o filme

No dia 5 de Janeiro de 1895, o Capitão Alfred Dreyfus, um jovem soldado judeu, é acusado de espionagem para a Alemanha e condenado a prisão perpétua na ilha do Diabo. Entre as testemunhas está Georges Picquart, promovido para gerir a unidade militar de contra-espionagem. Mas quando Picquart descobre que informações secretas continuam a ser fornecidas aos alemães, é arrastado para um labirinto perigoso de fraude e corrupção que ameaça não só a sua honra, mas também a sua vida.

Prémios e nomeações

Áudio e legendas

Versão original com legendas em português
Áudio Francês • Legendas Português

Mais informação

Título original:
J'Accuse
Géneros:
Drama, Thriller
Nacionalidades:
França, Itália

J'accuse conta-nos uma versão da história do controverso caso Dreyfus, que também foi largamente disseminado pela literatura ao longo desde o fim do século XIX até aos dias de hoje, desde Proust, Mark Twain, Jack London, Céline ou George Orwell.

O filme conta uma versão da história, mostrando uma sintonia e conveniência, para o resultado do julgamento, entre a incapacidade do Estado francês, e em especial do seu exército e dos suas altas patentes militares, em controlar as fugas de informação e a ação da espionagem de potências estrangeiras aos seus segredos militares, com o sentimento do antissemitismo crescente na Europa e especial em França.

Apesar da conveniência com o sentimento popular e antissemita e necessidade das altas patentes militares de efetuar uma purga no exército para salvarem as suas faces, fica a dúvida se foi um erro, um erro premeditado, ou um julgamento vil com base no antissemitismo já presente dentro do Exército e dos seus Generais.

J'accuse (2019) é tanto um caso real - L'affaire Dreyfus - como uma metáfora - uma metáfora de L'affaire Polansky. Aliás, aqui joga-se tudo em torno do culpado e do inocente, do encontro e do desencontro, do acidente e do premeditado. Notável.

8

"Polanski’s arc of history bends slowly towards justice. At the age of 86, the director has long since abandoned the air of youthful, dancing mischief that characterised the likes of Repulsion and Rosemary’s Baby. All the same, An Officer and a Spy (adapted from the novel by Robert Harris), paints a subtly devastating portrait of the French general staff, with a stench of establishment sulphur that recalls Chinatown. It’s a solid, well-crafted piece of professional carpentry, like a heavy piece of Victorian furniture; built to last; built to be used. The longer you look at it, the more impressive it grows. "

Xan Brooks de The Guardian