7,7

Frances Ha

· 86min.

Uma fábula cómica moderna que explora Nova Iorque, amizades, classes, ambição, falhanços e redenção.
Indisponível no teu país

Sobre o filme

Frances vive em Nova Iorque, mas não tem bem uma casa. Frances está numa companhia de dança mas, não é bem uma bailarina. Frances tem uma melhor amiga chamada Sophie, mas elas já não falam bem uma com a outra. Frances atira-se de cabeça para os seus sonhos, mesmo quando a realidade se desvanece. Frances quer muito mais do que o que tem, mas vive a vida com uma alegria e ligeireza inexplicáveis. "Frances Ha" é uma fábula cómica moderna que explora Nova Iorque, amizades, classes, ambição, falhanços e redenção.

Realização e elenco

Realização:
Noah Baumbach

Prémios e nomeações

Áudio e legendas

Versão original com legendas
Áudio Inglês • Legendas Português

Mais informação

Género:
Comédia
Nacionalidade:
Estados Unidos
Bilheteira: 68 668,98 €
Espetadores: 10.989

Títulos parecidos

Andava para ver este há já algum tempo, talvez algum receio pelo tema de uma pessoa nos seus vintes a tentar ainda encaixar no mundo e bem.. parece que o tempo que esperei só fez com que as personagens e situações ressonassem ainda mais comigo.

Uma mescla de devastação emocional e exuberância. Adorei.

10

"With its swift, jaunty rhythms and sharp, off-kilter jokes, Frances Ha is frequently delightful. Ms. Gerwig and Mr. Baumbach are nonetheless defiant partisans in the revolt against the tyranny of likability in popular culture."

A.o Scott de NY Times

10

"The writing is so musical, so attuned to human frailty and aspiration, that I defy anyone to watch the movie without smiling — with amusement one minute, rueful recognition the next, but probably always with some measure of simple, undiluted delight."

Ann Hornaday de Washington Post

9

"Es innegable la maestría del director para describir emociones, para dibujar la geografía decadente y tierna del vacío (...) Sin duda, una película llamada a levantar pasiones."

Luis Martínez de El Mundo

9

"At times, Frances Ha strains from emphasizing the characters' snarkiness and disregarding plot. By routinely going nowhere, however, the movie eventually finds a distinctive voice that carries it through."

Eric Khon de Indiewire