9,1
Premier

Fellini 8½ (Oito e Meio)

· 133min.

Realismo e imaginação num dos filmes mais emblemáticos do cinema mundial. Vencedor do Óscar de Melhor Filme Estrangeiro, a obra-prima de Federico Fellini na sua versão restaurada.
Indisponível no teu país

Sobre o filme

Marcello Mastroianni, alter ego de Fellini, interpreta Guido Anselmi, um realizador a atravessar uma crise criativa. Durante a estadia numas termas, todos os seus fantasmas lhe aparecem, como que em sonhos, misturados com as pessoas reais que frequentam o local ou que o vêm visitar: familiares, atores, produtores e até críticos. Como não consegue encontrar soluções para o seu próximo filme, Guido abandona-se às recordações de infância e a sua imaginação divaga. 
Um dos grandes clássicos de Fellini, Fellini 8 1/2 transforma a crise artística de um homem num épico de cinema. É um verdadeiro mergulho na psique, a partir das teorias de Carl Jung, e um exercício mágico dentro da autorreflexão já presente em La Dolce Vita. Recebeu o Óscar de Melhor Filme Estrangeiro de Melhor Guarda-roupa.

Realização e elenco

Realização:
Federico Fellini

Prémios e nomeações

Áudio e legendas

Versão original com legendas
Áudio Italiano • Legendas Português

Mais informação

Título original:
Nacionalidade:
Itália

Títulos parecidos

Na opinião de um mero cinéfilo, considero este filme a grande obra-prima da história do cinema. Mas porquê? Existem vários critérios para se escolher uma grande obra-prima, mas os que eu sigo, são relacionados com a realidade do artista e capacidade de dar expressão ao seu sofrimento através da sua arte.

10

"Director: Federico Fellini Cast: Marcello Mastroianni; Anouk Aimee; Claudia Cardinale; Barbara Steele; Sandra Milo NR Not rated Marketplace Online Shopping Compare prices for this movie Find local video stores WP yellowpages More movie shopping Save money with NextCard Visa Always feeding directly on his experiences for material, Federico Fellini had an autobiographical binge with "8½." The 1963 movie -- which marked eight and a half movies for Fellini (seven solos, three collaborations) -- was the director's unabashed gaze into the mirror. A vivid interspersing of fantasy and satire, it reflected ironically on Fellini's career -- with Marcello Mastroianni as his alter ego. Its entrancing combination of technical virtuosity and modish psychology won Fellini his third Academy Award for best foreign language film."

Desson Howe de Washington Post

10

"But "8 1/2" is a great film in its own way, and despite the efforts of several other filmmakers to make their own versions of the same story, it remains the definitive film about director's block."

Roger Ebert de Chicago Sun Times

9

"Why "8½"? With six solo films behind him and three collaborations (counting as a half each), this film was Fellini's 8½ movie. It is also perhaps his most introverted and self-referential. Despite its insular nature, it got under the skin of many and went on to win the Best Foreign Language Film Oscar of 1963. Marcello Mastroianni stars as a film director on the brink of making his next big movie, and possibly his first nervous breakdown. We join him at a health farm where mud baths, holy water, and bathing in springs have been recommended for his possible salvation. Along for the ride is the mistress who he's already bored with, and a whole array of memories that play before us in a slideshow interrupted by visitors desperate for guidance on his forthcoming film. "

Almar Haflidason de The Guardian