Involuntary

Involuntary

De ofrivilliga

Áudio e legendas

Versão original com legendas em português

  • Áudio Original
  • Legendas Português
realizador

Ruben Östlund

Nacionalidade

Suécia

Ano de produção

2008

Género

Comédia

Sobre o filme

Ruben Östlund, um dos protagonistas de Cannes 2017, debruça o seu olhar insubmisso pela sociedade sueca, no seu filme Involuntary (2008), que se centra no tema do poder da sociedade sobre o indivíduo.Apresentado na secção Un Certain Regard no Festival de Cannes de 2008, a segunda longa metragem de Ruben Östlund, oferece-nos cinco episódios que constituem um retrato da sociedade sueca ao estilo de Roy Adersson. Cada episódio questiona o papel do indivíduo face à sociedade, num estilo que privilegia os planos prolongados, apanágio do realizador, e enquadramentos pouco convencionais. Um anfitrião de meia idade de classe média que num jantar para amigos se fere com um fogo de artifício e se recusa a tratar-se, um motorista de autocarro que para numa estação e se recusa a avançar enquanto algum dos passageiros não confessar ter partido o varão da cortina da casa de banho, uma professora que adverte os alunos quanto à importância de respeitar o que a maioria quer, mas que simultaneamente sofre do mesmo problema na sala de professores. Estas e outras histórias servem de mote a uma crítica da conformidade sueca e do seu respeito absoluto pela autoridade.

M16

Prémios
O meu estado de espírito...

Realização e elenco

Foto de perfil por defeito de um utilizador que não fez login
Os comentários depreciativos e os spoilers serão moderados. Se tens alguma queixa escreve-nos para ola@filmin.pt